quinta-feira, junho 29, 2006

DIÁLOGO DO OUTRO MUNDO

Ela: é engraçado, não é, tantas gaivotas que param aqui?...
Eu: é, é...
Ela: perto de minha casa há muitos passarinhos...
Eu: ai é?....
Ela: sim, como há muitas árvores, eles vêm ali fazer ninhos...
Eu: pois...
Ela (passado um minuto): uma vez lavei tanto a janela da varanda do quarto do meu filho que um passarinho foi contra o vidro e morreu...
Eu: pois, coitado...a mim aconteceu-me o mesmo há dias...
Ela: o bico deve ter entrado pelo cérebro com a pancada e ele morreu...
Eu: (?!?!?!)...

Foi um excerto de uma conversa que tive hoje no meu trabalho. Fascinante, não é? Não pude deixar de vos presentear com esta pérola.

Gosto muito de ir trabalhar e de conviver no meu trabalho. Gosto, gosto. Temos conversas interessantes sobre passarinhos.
Na maior parte do tempo estamos calados, mas por vezes conversamos...
Venha masé masé o sábado, para se fazer alguma coisa interessante. Arre bicho! "O trabalho dignifica", dizem...perdoai-lhes Senhor, eles não sabem o que dizem.

9 comentários:

canjas disse...

Que conversa espectacular! Mas venham mas é lá os "bifes"!

bombas disse...

pois eu só tenho a dizer o seguinte:
a pessoa com a qual tiveste essa conversa é muito pouco atraente e é mesmo um asco.
se fosse daquelas que faz o pau subir mais alto que a torre dos clérigos, queria ver se te queixavas dos passarinhos, até preferias falar de pombas...
é aí que entra a teoria do albert: tudo é relativo...

bombas disse...

Parabéns Dona Graça. Felicidades a três (mais os amigos, claro) é o que te deseja a família Couto.
Beijinhos...

Luzinha disse...

Ó / OH!

Manos canjas ou dr. luxo, faxabor de fazer um post da gracinha que faz hoje...anos!

Qts msmo mana????? ;)))

Beijões de parabéns!!!!

graça disse...

Eu sei que o meu nome aparece ai ao lado, mas mesmo assim... obrigado por se lembrarem do meu aniversário.
Quantos faço? Não interessa! LOL
beijokas

Luzinha disse...

OLÉ, OLÉ, OLÉ!!!!


FORÇA PORTUGAL!

JÁ ESTAMOS NAS MEIAS!!!!!!!!

iTeixeira disse...

(2ª via :)

:: ó bombas que raio de frase é:

"Dorme como um gaysito"

faz um blog teu pra gente ir lá chamar nomes, faz... faz..., nun fazes nun?

por acaso dorme como o pai..., ah ah nem penses... pronto já sabia... és do pior...nem vale a pena dizer nada... passamos logo para a estalada que é a linguagem mais acessível para ti...

(fds para defender a honra do meu filhote até já escrevi de caraças...)

este foi acíl foi só azer copya e pasta

Dr.Lux0 disse...

Essa conversa foi engraçada, mas o Galo esteve à altura da colega:
"Ela (passado um minuto): uma vez lavei tanto a janela da varanda do quarto do meu filho que um passarinho foi contra o vidro e morreu...
Eu: pois, coitado...a mim aconteceu-me o mesmo há dias..."
Mas afinal qual foi esse mesmo que te aconteceu? Morreste porque foste contra um vidro muito limpinho e o bico furou-te o cérebro, ou limpaste tão bem o vidro da janela do quarto do teu filho que um pássaro foi contra ela e "bateu as patas" porque o bico entrou-lhe pela cabeça dentro?
Explica-te, homem.

Graça, perdonna me mas não tenho vindo cá e não escrevi o post de parabéns...
Sry.
Beijo pá Pocahontitas.
;)

Pedro Galinhas disse...

Primo, eu explico-te: outro dia entrei numa loja. Ao sair em passo apressado embati contra uma suposta porta aberta, que afinal era um vidro bem lavado. Não confirmo, mas penso que terei mesmo partido o meu nariz...